Seja bem-vindo!

Que a paz de Jesus e o amor de Maria reine em seu coração!

sexta-feira, 4 de junho de 2010

Um Coração Aberto


A lei de Moisés indicava obrigações , mas não promovia uma mudança de coração. Para que os mandamentos sejam praticados por nós é preciso um coração novo, aberto, disposto a acolher o amor de Deus. O profeta Ezequiel já alertou para o que aconteceria: "Dar-vos-ei um coração novo e introduzirei em vós um espiríto novo: arrancarei do vosso peito o coração de pedra e vos darei um coração de carne...".


Assim Jesus estabelece a nova aliança nos dando o Espírito Santo que nos faz agir por amor e não por obrigação. A plenitude da Lei está em agir por amor. Dessa forma nasce a Igreja, da descida do Espírito Santo que fazendo os apostólos renascerem do alto, proclamarem a boa nova da salvação, com o espírito destemido, audacioso. A Igreja primitiva dá resposta à graça derramada por Deus através do Seu Espírito Santo e sai anunciando o evangelho, mas pra isso os apóstolos abriram o coração para o novo que Jesus oferecia. A Igreja já nasceu universal (Católica), assim é confirmado em Atos dos Apóstolos: "...pardos, medos, elamitas..." ( At 2, 9-11).


Assim se confirma que todos nós somos filhos do mesmo Pai e desafiados a dar a mesma resposta e abrirmos o coração à vontade do Senhor. Nós leigos participantes dessa universalidade somos chamados através do batismo no Espírito Santo a anunciar as maravilhas de Deus e fazer Jesus conhecido onde ainda não O é. Só é preciso lembrar que, sem o Espírito Santo nada podemos fazer, só pela Sua ação em nós poderemos proclamar que Jesus é o Senhor, 1 Cor (12,3). É Ele quem nos ensinará todas as coisas , Jo(14, 26). Mas para isso é preciso um coração que acolha o Espírito de Deus.




Que o Senhor Jesus nos dê um coração de carne, aberto aos seus ensinamentos, para que possamos renascer do alto, e que possamos praticar com alegria e satisfação os Seus madamentos!



Gabriella Leite (Ministério de Música Sacrário Vivo).